sábado, 14 de maio de 2011

...ou somente os Loucos?

..."Eu me arrastava na mesma direção, tenho feito isso por toda a minha vida, sempre correndo atrás de pessoas que me interessam, porque para mim, pessoas mesmo são os loucos, os que estão loucos para viver, loucos para falar, loucos para serem salvos, que querem tudo ao mesmo tempo, aqueles que nunca bocejam e jamais dizem coisas comuns, mas queimam, queimam como fabulosos fogos de artifícios, explodindo como constelações em cujo centro fervilhante, pode-se ver um brilho azul e intenso..."
Jack Kerouac
Ana Paula

Loucos e Santos!


Loucos e Santos

Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila.
Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante.
A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos.
Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo.
Deles não quero resposta, quero meu avesso.
Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim.
Para isso, só sendo louco.
Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças.
Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta.
Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria.
Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto.
Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade.
Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos.
Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça.
Não quero amigos adultos nem chatos.
Quero-os metade infância e outra metade velhice!
Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa.
Tenho amigos para saber quem eu sou.
Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que "normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril.

Oscar Wilde

Ana Paula

Tento acreditar, preciso acreditar!

Chico Xavier costumava ter em cima de sua cama uma placa escrita: ISSO TAMBÉM PASSA! Então perguntaram a ele o porque disso... Ele disse que era para que quando estivesse passando por momentos ruins, se lembrar de que eles iriam embora, que iriam passar, e que ele estava vivendo isso por algum motivo. Mas essa placa também era para lembrá-lo de que quando estivesse muito feliz, não deveria deixar tudo para trás e se deixar levar, porque esses momentos também iriam passar e momentos difíceis viriam novamente. É exatamente disso que a vida é feita, momentos. Momentos que TEMOS que passar, sendo bons ou não, para o nosso próprio aprendizado. Nunca esquecendo do mais importante: NADA NESSA VIDA É POR ACASO. Absolutamente nada. Por isso temos que nos preocupar em fazer a nossa parte, da melhor forma possível... A vida nem sempre segue o nosso querer, mas ela... É PERFEITA NAQUILO QUE TEM QUE SER...
 

Razões!

Não sei os "porquês" de muitas coisas, na verdade, da maioria das coisas e isso as vezes parece que vai me enlouquecer.
Preciso de razões explicáveis, mensuráveis, previsíveis, identificáveis...não gosto desse jeito da vida de "brincar" com a gente, fico insegura, tenho medo, antes eu não tinha, agora tenho medo de muitas coisas, nem sei dizer bem certo do que.
Acho que pensamos demais sobre essas razões, é...pensamos demais!
E por pensarmos demais deixamos de viver momentos, deixamos de correr riscos necessários, deixamos de fazer apostas, de fazer empreendimentos, de pensar novamente no futuro, traçar metas, fazer planos etc.
Não sei se isso é a tão esperada "maturidade" mas, se for, não estou gostando. Também pode ser consequência do susto que levei, sei lá...sei que gostava de sonhar e correr atrás e agora não estou conseguindo!
Precisamos de metas, planejamento etc, mas, não consigo planejar nem o dia de amanhã e isso é chato, muito chato!
 Ana Paula